Luiz Orlandi e as manifestações

“(…) minha sensibilidade é tomada por uma rachadura entre uma extrema alegria e um carrancudo temor: de um lado, a admiração voltada à recepção alegre das inovações de luta trazidas por inúmeros aspectos das manifestações; de outro, o buraco negro  (poderia ser azul ou vermelho, incolor etc) das violências bilaterais, trilaterais, multilaterais etc.:  desde violências idiotas que criam ramificações fascistas nos flancos dos fluxos e nos flancos das funcionalidades policialescas até  violências cínicas administradas  por organizadores da exposição pública de aspectos das manifestações.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s